OPERAÇÃO LAVA JATO

Entenda a megaoperação da PF que prendeu empresários e agentes públicos

OPERAÇÃO LAVA JATO

Nome: Operação Lava Jato

Início: 17 de março de 2014

Objetivo: Desmantelar um esquema de lavagem
de dinheiro suspeito de movimentar R$ 10 bilhões

Histórico: A operação começou em um posto de gasolina em Brasília, onde ficaria uma casa de câmbio que operava dólares de maneira clandestina. No decorrer das investigações, foram descobertas ligações com empresas e políticos, além de um suposto esquema de propina envolvendo a Petrobras

Como operava a quadrilha: Empresas de grande porte combinavam o preço das licitações, superfaturando os valores. Parte do dinheiro excedente era encaminhada para executivos e operadores do esquema, que repassariam a propina para os destinatários finais


  • Alberto Youssef

  • Paulo Roberto Costa

  • Sérgio Machado

  • Fernando Baiano

  • Leonardo Meirelles

  • Pedro Barusco

  • Renato Duque

  • Nestor Cerveró

  • Sérgio Guerra

  • José Janene

  • Júlio Gerin de Almeida Camargo

  • João Vaccari Neto

  • José Sérgio Gabrielli

Histórico

A PF (Polícia Federal) iniciou no dia 17 de março a operação Lava Jato contra um esquema criminoso que teria movimentado mais de R$ 10 bilhões em transações financeiras ilegais que envolveram principalmente atividades de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

A investigação levou a prisão do doleiro Alberto Youssef, que se tornou o pivô das denúncias contra a Petrobras após aceitar colaborar com a Justiça por meio da delação premiada.

Os principais crimes investigados pela PF são sonegação, corrupção, evasão de divisas, entre outros.

A OPERAÇÃO
Entenda o que é e a origem da operação Lava Jato

STJ e STF
Veja a lista completa com os nomes de todos os investigados

FASES
Entenda o que foi cada uma das fases da Lava Jato

LINHA DO TEMPO
Acompanhe os principais acontecimentos da megaoperação da PF

ACOMPANHE
Siga todas as notícias da Operação Lava Jato e da CPI da Petrobras

Histórico

Duas CPIs foram criadas em maio de 2014 no Congresso (uma do Senado e outra mista) para investigar irregularidades envolvendo a empresa entre os anos de 2005 e 2014. Diversas empresas envolvidas com a Lava Jato têm ligação com a estatal, além de dois ex-diretores da Petrobras terem sido presos durante a megaoperação. Entre os itens investigados, estão:

Motivações

Pasadena
Local: Texas (EUA)
Histórico
Petrobras pagou R$ 1,18 bilhão para adquirir a refinaria norte-americana, valor considerado 28 vezes superior ao de mercado
Comperj(Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro)
Local: Rio de Janeiro
Histórico
Com previsão de entrega em 2011, obra possuia valor inicial de R$ 19 bi, porém já ultrapassa os R$ 31 bi
Refinaria de Abreu e Lima
Local: Pernambuco
Histórico
TCU constatou sobrepreço de R$ 368 milhões, além de irregularidades graves em contratos
Refinaria de Getúlio Vargas
Local: Paraná
Histórico
Em 2009, o TCU recomendou a paralisação das obras da refinaria devido a irregularidades graves
Terminal de graneis líquidos no Espírito Santo
Local: Espírito Santo
Histórico
Terreno onde o terminal está sendo construído teria sido arrendado sem licitação, segundo o TCU